Menu

″Houve mexicanos importantes na nossa história e espero que o Jorge Sánchez venha a ser mais um″

+FCPorto 6 meses ago

Defesa Jorge Sánchez chega ao FC Porto por empréstimo do Ajax

O defesa direito internacional mexicano Jorge Sánchez foi emprestado pelos neerlandeses do Ajax ao FC Porto até ao final da época, anunciaram os vice-campeões nacionais, oficializando o quarto reforço para 2023/24.

Jorge Sánchez, de 25 anos, fez três golos e três assistências nos 26 jogos realizados ao serviço do Ajax, clube ao qual chegou no verão passado, oriundo do América, por cinco milhões de euros (ME), tendo celebrado um contrato de quatro anos com o emblema de Amesterdão, até junho de 2026.

Essa transição para o futebol europeu foi precedida de experiências nas águilas (2018 a 2022), com as conquistas de uma edição da Liga mexicana, uma Taça do México e uma Supertaça do México, e no Santos Laguna (2016 a 2018), marcada por outro campeonato.

Formado no emblema de Torreón, cidade da qual é natural, Jorge Sánchez acumula 36 internacionalizações e um golo marcado pela seleção principal do México, que chegou a representar no Mundial2022 e pela qual se sagrou campeão da Gold Cup no último mês.

“O FC Porto é o maior clube português e sei bem o que representa, porque tenho muitos amigos mexicanos que passaram por cá e me falaram muito bem da instituição. Faz-nos crescer como pessoas e como atletas, e sentimo-nos parte de uma família. Isso é o mais bonito do futebol”, sublinhou, partilhando que falou com os compatriotas Héctor Herrera e Jesús Corona, e com o argentino Agustín Marchesín, todos com experiências recentes ao serviço dos azuis e brancos, antes de acertar a mudança de Amesterdão para o Porto.

Formado no emblema de Torreón, cidade da qual é natural, Jorge Sánchez acumula 36 internacionalizações e um golo marcado pela seleção principal do México, que chegou a representar no Mundial2022 e pela qual se sagrou campeão da Gold Cup no último mês.

O lateral direito, que também pode atuar na ala esquerda, é a quarta contratação do FC Porto na atual janela de transferências de verão, após os médios Nico González (ex-FC Barcelona) e Alan Varela (ex-Boca Juniors) e o avançado Fran Navarro (ex-Gil Vicente).

O presidente dos dragões, Jorge Nuno Pinto da Costa, justificou esta aposta com “uma “vontade” expressa do treinador Sérgio Conceição, que passará a ter uma alternativa direta a João Mário, numa posição em que adaptou por diversas vezes o extremo Pepê, tendo deixado de contar com Manafá e Rodrigo Conceição no final da última temporada.

“Houve mexicanos importantes na nossa história e espero que o Jorge Sánchez venha a ser mais um. Os jogadores vindos do México sempre demonstraram um grande espírito enquanto estiveram por cá. Eu sou um admirador deles, dos argentinos, dos uruguaios e de todos os sul-americanos, porque são jogadores que se adaptam com facilidade ao FC Porto. Esperemos que seja o caso mais uma vez”, indicou o dirigente, citado pelo clube.

O lateral direito, que também pode atuar na ala esquerda, é a quarta contratação do FC Porto na atual janela de transferências de verão, após os médios Nico González (ex-FC Barcelona) e Alan Varela (ex-Boca Juniors), e o avançado Fran Navarro (ex-Gil Vicente).

Fonte: ojogo.pt