Menu

▶ Vídeo: ″Fábio Cardoso? Otamendi tinha de ser expulso na época passada em Vizela″

+FCPorto 5 meses ago

Declarações de Francisco J. Marques, diretor de comunicação do FC Porto, no programa Universo Porto da Bancada, no Porto Canal

Fábio Cardoso e Otamendi: “Todos aceitámos a expulsão do Fábio Cardoso, mas também aceitámos que o Otamendi tinha de ser expulso na época passada em Vizela num jogo decisivo para o título. Isto tem de ser explicado e foi pedida a audiência, mas a explicação tem de ser para toda a comunidade e não só para o FC Porto. Ninguém está a dizer que é propositado, mas estão a acontecer demasiados erros”.

O Farense-Sporting: “O que aconteceu no Algarve é inusitado. A expulsão é errada, o médio dinamarquês do Sporting tinha que ter visto o segundo amarelo e, depois, marcar aquele penálti que é um mergulho que o Sporting devia fazer um comunicado como fez com o Taremi. É adulterar a verdade desportiva.”

Sobre Luís Godinho: “Luís Godinho foi apitar à Arábia Saudita ganhar entre 3000 e 7 500 euros na sequência do jogo da Supertaça. Pelos vistos, Luís Godinho tem problemas em expulsar jogadores do Benfica. Até hoje apitou 23 jogos do FC Porto, 23 do Benfica e 22 do Sporting, Epxulsou três jogadores do Sporting, sete do FC Porto, três por duplo amarelo e quatro por vermelho direto, entre eles os célebres ao Danilo e ao Luis Díaz. E do Benfica, quantos expulsou? Zero. Nem sequer por duplos amarelos. Podemos dizer que não houve situações? Ai não? Lembram-se do FC Porto-Benfica em que Pizzi e Nuno Tavares, Vertonhgen tinham de ir para rua? E na Supertaça deste ano o João Neves. Há um preconceito com o FC Porto, há um à vontade e tolerância com o Benfica.”

Penáltis: “Vamos analisar grandes penalidades. Uma a favor do FC Porto, foi no ano passado no Estoril, indicada pelo VAR em que esteve cinco minutos a ver as imagens, ao Benfica assinalou três e oito ao Sporting. Isto é muito preocupante. Não tenho nada contra ele, mas temos contra a competência do senhor Luís Godinho. Depois de arbitrar a Supertaça, que não lhe correu bem, onde achou que até foi Galeno que deu mão no golo anulado e foi o Gonçalo, foi premiado para arbitrar na Arábia Saudita. Devíamos fazer ao contrário. Sempre que o CA esteja a pensar nomear o Luís Godinho, devia nomear um saudita. Também temos o direito a árbitros estrangeiros. Estou em crer que não cometiam os mesmos erros graves”.

O erro na Premier League: “Neste fim de semana aconteceu em Inglaterra um erro gravíssimo, idêntico ao Casa Pia-Sporting, uma má avaliação de um fora de jogo ao Luis Díaz, deve ser castigo por ter sido jogador do FC Porto. O que aconteceu? Gerou-se polémica, o Liverpool pediu divulgação dos áudios com o VAR e no dia seguinte as autoridades divulgaram. E percebe-se o que aconteceu. Foi um engano, o VAR achava que o golo tinha sido validado e mandou seguir. Porque é que em Portugal não é divulgada? Na quinta-feira há um programa, mas quase que aposto que esse áudio não vai ser divulgado.”

Contas: “Foram sonegados dois pontos ao FC Porto e nem metemos o Benfica-FC Porto nestas contas e temos queixas, é muito triste que seja este o estado das coisas. O nosso apelo é que o CA tenha capacidade para transmitir tranquilidade, critérios iguais e equidade”.

Fonte: ojogo.pt