Menu

FC Porto: Alan Varela ainda em discussão

Claudio Rocha 7 meses ago

Operação arrasta-se no tempo e deixa o médio com uma só certeza: de que tem contrato com o Boca. Parte da Imprensa local insiste que o acordo está praticamente fechado e que a viagem até poderia ocorrer durante o fim de semana. O argentino promete dar tudo pelo Boca até se despedir.

Terá o jogo com o Nacional de Montevideu, para a Taça Libertadores, sido o último de Alan Varela pelo Boca Juniors? Parte da Imprensa local garante que sim, dando a transferência para o FC Porto como um facto praticamente consumado, mas nem o médio abordou o assunto com tanta certeza depois de a equipa de Buenos Aires ter empatado (0-0) no Uruguai, na madrugada de quinta-feira. “A verdade é que não sei. Não sei”, respondeu o internacional jovem argentino, quando confrontado com a questão.

As dúvidas que assaltam Varela são fáceis de explicar: com tantos avanços e recuos no processo, ao ponto de ter pairado no ar a ameaça de o negócio colapsar, a única garantia que tem nesta fase é a que está registada em papel. “Tenho contrato com o clube e, enquanto continuar aqui, vou jogar e dar o máximo”, prometeu, mostrando-se indiferente a todo o falatório que tem marcado as últimas semanas. “Com o apoio da minha família, dos meus companheiros e da equipa técnica, sigo em frente”, afiançou. “Estou tranquilo e trato de pensar no Boca”, acrescentou.Saber maisSaber maisSaber mais

Por mais ansioso e otimista que Alan Varela esteja na obtenção de uma plataforma de entendimento entre o FC Porto e o Boca Juniors, o discurso para o exterior não poderia ser outro, embora o diário “Olé” tenha escrito, ontem, que a viagem do médio para Portugal poderá acontecer durante o fim de semana. Contudo, fonte conhecedora do processo garantiu a O JOGO que os responsáveis dos clubes ainda estão a conversar, pelo que esse parecia ser um cenário remoto ao dia de ontem. Os “xeneizes” continuam a exigir garantias bancárias para dar o último OK e Jorge Almirón vai aproveitando este período de alguma indefinição para utilizar Varela, que voltou a ser uma das melhores unidades da equipa no embate com o Nacional. A segunda mão da eliminatória (oitavos de final) está marcada para as primeiras horas do dia 10 e ninguém estranhará se Juan Roman Riquelme tentar manter o atleta até essa altura.

Tampão organizado com bola

A exibição de Varela com o Nacional de Montevideu recebeu nota positiva por parte da Imprensa Argentina. O “Olé” descreveu o médio como um “tampão num 4x1x4x1”. “Bem organizado e seguro com a bola, meteu-se entre os centrais quando a equipa saía de trás”, relatou o diário sobre o internacional jovem argentino, que recebeu nota 7 do “Tyc Sports”. “Primeiro tempo normal, em que destruiu mais do que jogou. No segundo, tudo mudou. Fez-se dono de metade do campo e do futebol do Boca”, escreveram. De resto, Varela foi o jogador com mais ações no jogo (77) e com mais passes precisos (89,8%). Ganhou seis dos dez duelos no solo que disputou, saiu vencedor dos dois que disputou pelo ar, realizou cinco alívios e duas interceções.

Fonte: OJogo