«Isto é um motivo de orgulho para nós»

Centenas de adeptos marcaram presença esta tarde, no Dragão Caixa, para assistir ao treino aberto da equipa de hóquei em patins.


Foi uma espécie de prenda de Natal tardia. Cerca de 500 adeptos portistas puderam assistir na tarde desta sexta-feira ao treino aberto do FC Porto Fidelidade. Entre eles estavam os jovens da escola de hóquei em patins Dragon Force, que vieram equipados a rigor com camisola e cachecol do clube, alguns mesmo com o próprio stick para bater umas bolas com os ídolos.

Enquanto no ringue os pupilos de Guillem Cabestany cumpriam com toda a concentração uma intensa sessão de trabalho, nas bancadas sucediam-se as fotografias e vídeos de quem não quis perder a oportunidade de eternizar o momento. Foi até possível vislumbrar um cartaz com um pedido: “Gonçalo, dá-me as tuas luvas”. Era esta a mensagem de um pequeno adepto. E os primeiros aplausos da tarde vieram precisamente com o golo de Gonçalo Alves, apontado bem cedo no jogo em espaço reduzido entre os hoquistas do plantel azul e branco. Aplausos que se acumularam à medida que mais jogadas e tentos eram protagonizados.

Mal soou o apito do treinador catalão do FC Porto a assinalar o fim do treino, houve invasão de campo por parte da criançada, que pôde interagir com os jogadores que normalmente só vê à distância. Os miúdos receberam algumas instruções e não conseguiram esconder os sorrisos rasgados de felicidade, os quais eram partilhados pelos jogadores portistas. No final, tanto Guillem Cabestany como o capitão Hélder Nunes, um dos mais requisitados para autógrafos e fotografias, manifestaram-se orgulhosos com o sucesso da iniciativa, que, segundo eles, é o reconhecimento do trabalho levado a cabo pela equipa mas também um sinal da responsabilidade que têm sobre os ombros.

Guillem Cabestany
“Nós temos o reconhecimento do nosso trabalho todas as semanas quando há jogos e os adeptos vêm apoiar-nos, mas não deixa de surpreender-me que os pais e os miúdos percam parte das suas férias para vir aqui ver como nós treinamos. Isto é um motivo de orgulho para nós mas também um sinal de toda a responsabilidade que temos. É incrível ver que 500 pessoas venham aqui ver o que fazemos todos os dias, isto não acontece a toda a gente, portanto isto é mais uma prova de que as pessoas estão ao nosso lado e querem que tudo corra bem. É algo que nos dá mais vontade para trazer mais vitórias para a equipa. Certamente que este contacto das crianças com os seus ídolos faz com que elas pratiquem este desporto com ainda maior entusiasmo e motivação, não apenas com o objetivo de criar grandes jogadores mas também boas pessoas, pessoas desportistas com os valores que o desporto deixa na personalidade dos miúdos. Foi positivo para nós, que ficamos ainda mais motivados, e para eles, que passaram uma boa tarde”.

Hélder Nunes
“Para nós é muito bonito e interessante ver que os miúdos gostam muito de nós, não só pelo clube em que jogamos mas também pelas pessoas que somos e isto é o reconhecimento do nosso trabalho. Eles são o futuro e nós apoiamos muito estas iniciativas porque para nós é muito gratificante tê-los do nosso lado e este contacto mais próximo deixa-nos muito contentes. Sem dúvida que isto é uma motivação adicional para continuar a levar o nome do FC Porto ainda mais alto. O FC Porto é um clube grande mundialmente não só a nível desportivo mas também pelo seu lado humano e isto mostra isso mesmo. Não vieram só miúdos que são portistas de certeza absoluta e acho que assim ganha o FC Porto e toda a gente. Nesta idade ainda é difícil saber se alguém vai ter futuro na modalidade, até porque a patinagem é um fator muito importante e hoje estavam todos de sapatilhas, mas sem dúvida que daqui vão sair alguns craques”.

 

Fonte: FCPorto

© 2017 +FC PORTO - All Rights Reserved. Developed by animarnegocios.com