Menu

Pinto da Costa: ″Se me passar tela e tintas para eu fazer um quadro, sai uma porcaria″

+FCPorto 6 meses ago

Declarações de Pinto da Costa na cimeira Thinking Football

O FC Porto continua a ser competitivo: “Se me passar um pincel e as tintas para eu fazer um quadro sai uma porcaria, se entrrgar a um pintor sai uma obra de arte. Quando temos um plantel, jogadores e os perdemos temos de tentar colmatar, mas é óbvio que temos de entregar as tintas, os jogadores, a um pintor. Se um treinador tiver talento consegue ultrapassar saída dos jogadores e é por isso que nos temos mantido sempre, mesmo perdendo jogadores importantes. Estamos no topo há muitos anos, somos o terceiro clube em presenças na Champions, somos dos poucos que já venceram duas vezes, isso permite-nos não é sonhar, porque quando sonho são outras coisas, às vezes, pesadelos, mas continuar a ter consciência que o trabalho dos técnicos e dos jogadores vai dar frutos e que vamos continuar na linha da frente”

O jogador à Porto: “Criou-se esse mito de jogador à Porto? O que é? É o que dá o máximo, não é no jogo, é nos treinos, para aprender o que o treinador ensina, em todas as circunstâncias. Há muito mérito dos formadores, mas é fundamental quando esses jovens sobem ao escalão maior tenham continuidade e sejam lançados nos momentos oportunos. Lançar cedo demais pode queimar-se jogadores. Em breve haverá notícias concretas sobre a nossa cidade desportiva. Temos que dar mérito a quem tem formado tantos jogadores.”

Fonte: ojogo.pt