Menu

Porto alegre e nos “oitavos”

+FCPorto 3 meses ago

Dragões bateram o Montalegre (4-0) na 4.ª eliminatória da Taça de Portugal

O registo da terceira década do Estádio do Dragão começou a ser escrito com uma vitória convincente por 4-0 frente ao Montalegre, na quarta eliminatória da Taça de Portugal. Danny Namaso inaugurou as contas do placar e assistiu para Evanilson, que saiu aos 58 minutos com um bis na partida para dar o lugar a Fran Navarro, estreante a marcar pelo clube.

No regresso após a paragem para os compromissos internacionais, Sérgio Conceição mudou oito peças no onze inicial – entraram Cláudio Ramos, Fábio Cardoso, Zé Pedro, João Mendes, Marko Grujic, Romário Baró, Galeno e Namaso para os lugares de Diogo Costa, Pepe, David Carmo, Zaidu, Alan Varela, Eustáquio, Francisco Conceição e Mehdi Taremi – e até foi o adversário o primeiro a criar perigo. Uma perda de bola de Baró no meio-campo logo no primeiro minuto originou um contra-ataque que só foi parado por Cláudio Ramos.

Com o controlo natural da partida, o FC Porto chegou à vantagem no marcador logo aos 13 minutos por Danny Namaso. Numa jogada repleta de verticalidade, Franco tirou um oponente do caminho, deu para Galeno que, de primeira assistiu o 19. Mais rápido que o central, desmarcou-se, finalizou de pé esquerdo e deslizou em direção à bandeirola. Confiante pelo remate certeiro, o avançado inglês voltou a ser determinante quatro minutos depois ao aproveitar um erro técnico adversário para desmarcar Evanilson. Com toda a classe que lhe é caraterística, o brasileiro tirou o defesa que o marcava do caminho e encostou de pé esquerdo para o 2-0 (17m).

À meia-hora, Namaso podia ter feito o “bis” na partida, mas, isolado, não conseguiu aproveitar a defesa incompleta de Pio a um remate de Grujic para encostar. Ainda assim, o terceiro chegou antes do intervalo. O sérvio desmarcou Galeno na profundidade e o extremo, apenas com o guarda-redes pela frente, assistiu Evanilson para o segundo na partida (3-0).

Foi já sem o 30 em campo, aos 62 minutos, que os da Invicta chegaram ao 4-0. Sempre à procura da baliza adversária, os Dragões cercaram a área transmontana e, após uma circulação rápida da esquerda para a direita, André Franco assistiu para a estreia de Fran Navarro a marcar com as cores portistas (62m). Com a baliza a zeros e quatro momentos de ebulição, o FC Porto apurou-se para os oitavos de final da Taça de Portugal.
 

Fonte: fcporto.pt