Menu

Sérgio Conceição e as palavras de Rúben Amorim: “A começar no tratador da relva…”

+FCPorto 3 meses ago

Corrida ao título, dois jogos grandes: “Eu já disse algumas vezes que é um campeonato onde queremos rapidamente ter essa consistência e solidez na conquista dos pontos, porque é um campeonato onde as equipas vão perder alguns pontos. Eu acho que está difícil de se ganhar. Quando cheguai ao FC Porto, foi um ano de algumas goleadas, o desnível era maior do que hoje. Hoje é difícil, as equipas estão bem preparadas a todos os níveis. Estamos aqui, ainda não acabou a primeira volta. Há algum tempo, ou muito tempo, isto é uma maratona, como toda a gente diz. Vai ser importante para nós esta etapa.”

Sporting reproduz treino de bolas paradas no aquecimento dos jogos. Sente como um elogio de Rúben Amorim? “Têm de perguntar ao Rúben… Fazemos o nosso trabalho, acredito que não há nenhum treinador que não aprenda todos os dias e com todos, a começar no tratador da relva. Ele disse o que disse.”

O FC Porto venceu o Sporting nos últimos cinco jogos. Qual tem sido a chave desse sucesso nestes clássicos e se isso é sinal de que o míster Sérgio encontrou o antídoto para o 3-4-3 do Rúben Amorim? “Não. O Rúben [Amorim] está a fazer coisas diferentes e os jogadores também são diferentes. Nós, equipas técnicas, vamos evoluindo ao longo do tempo. Este jogo vai ter a sua história, a sua vida. Com certeza, será diferente dos outros todos. É isso que eu espero e é dessa forma que trabalhamos. O futebol, no fundo, é esse recomeçar constante. Se apanharmos a mesma equipa em dois encontros seguidos, vão ser jogos diferentes. Apesar de terem os mesmos jogadores e treinadores, são jogos diferentes.”

Fonte: ojogo.pt