Sérgio Conceição explica Bruno Costa: «Não é dar-lhe nenhum rebuçado»

O treinador do FC Porto falou ainda do jogo com o Liverpool.

 

Jogos em curtos espaços de tempo: "Nós vemos jogar em Inglaterra e jogam a um nível altíssimo e não os vejo a queixar-se com isso. Quem quer estar a um nível alto é assim. Os clubes agora estão bem apetrechados, com boas equipas médicas. Hoje joga-se muitos mais jogos do que antigamente, isso é sinónimo que hoje os clubes estão preparados para essas situações".

Regresso do Marega aos golos: "Foi o regresso do Marega e do Hector [Herrera] aos golos. É sempre importante, mas o mais importante é a prestação da equipa e que esses golos se traduzam numa vitória. Eu dou sempre mais valor à exibição coletiva do que a individual".

Jogo com o Liverpool: "Estamos lá a disputar a eliminatória com o Liverpool, mas a nossa Champions League é ser campeões da Liga NOS. Claramente que vamos entrar com tudo, com vontade e ambição de querer passar. Sabemos que a nossa tarefa é extremamente difícil, frente a uma equipa que é sempre candidata. Vamos ter de fazer um jogo dentro daquele que fizemos com a Roma, quase perfeito para passar, mas acredito que ainda temos uma palavra a dizer".

Bruno Costa: "O Bruno teve um pequeno problema muscular na equipa B, o que não permitiu que estivesse disponível. Agora foi chamado, no jogo com o Liverpool teve uma boa resposta e hoje teve oportunidade de se estrear na I Liga. Mas pela qualidade dele, não é dar-lhe nenhum rebuçado de presente".

 

Fonte: OJogo

© 2017 +FC PORTO - All Rights Reserved. Developed by ANIMAR