Menu

Treinador do Boca admite ″medo″ por Alan Varela: ″Ele quis jogar para despedir-se″

+FCPorto 7 meses ago

Jorge Almirón teve dúvidas em relação a colocar Alan Varela em campo, pelo facto de o médio já estar vendido ao FC Porto. Mas o argentino mostrou vontade de jogar para se despedir dos adeptos e convenceu o treinador.

Alan Varela fez nesta madrugada o último jogo pelo Boca Juniors antes de se transferir para o FC Porto. O médio argentino foi substituído já perto dos 90 minutos, na segunda mão dos oitavos de final da Taça Libertadores, e depois do encontro agradeceu e despediu-se dos adeptos.

“Estou muito agradecido pelo carinho que me deram os adeptos desde o princípio. Dou-lhes graças por isso e, se Deus quiser, talvez volte à Bombonera para poder voltar a desfrutar disto. Aos mais jovens digo-lhe para desfrutarem, porque o Boca Juniors é um clube gigante. Eu desfrutei muito. Se eles trabalharem com humildade e sacrifício, tudo chega”, afirmou o jogador num dia festivo – o Boca venceu nas grandes penalidades, depois de um empate 2-2, e seguiu para os quartos de final da prova.

Também o treinador, Jorge Almirón, despediu-se de Alan Varela com muitos elogios. “Era um risco que o Alan jogasse os dois jogos, eu tinha algumas dúvidas, algum medo, porque ele estava praticamente vendido. Mas ele quis jogar para despedir-se dos adeptos. E fê-lo com o mesmo entusiasmo como se estivesse a estrear-se. Conheço-o há muito pouco tempo, mas sinto-me orgulhoso dele, porque não se poupou a nada. Ser o 5 do Boca não é fácil e ele esteve muito bem nesse papel. É um jogador espetacular e uma pessoa muito boa. Que tudo lhe corra bem, ele merece o melhor”, apontou.

Alan Varela vai reforçar o FC Porto por uma verba fixa de oito milhões de euros, mas que pode chegar aos 11 milhões.

Fonte: ojogo.pt